2012- Ljubljiana - Eslovênia


Ivan Tadeu Ferreira Antunes Filho (Lins, SP) - Medalha de Prata

Pedro Neves Lopes (São Paulo, SP) -Medalha de Bronze 

Rafael Kazuhiro Miyazaki  (São Paulo, SP) – Menção Honrosa e Melhor Solução da Questão 2

Marvin Ariel Dias Santos (Lagarto, SE)

[fbphotos id=457180144313672]

 

Depoimentos:


Ivan Tadeu:

Depoimento imparcial:

“Participaram 131 competidores, de 34 times, representando 26 países diferentes.Tivemos que resolver problemas sobre 5 línguas na prova individual: Dyirbal, Umbu-Ungu, Basco, Teop e Rotuman. E sobre Lao na prova em grupo. Elas podem ser encontradas aqui: http://www.ioling.org/problems/2012/

Na olimpíada de linguística o foco principal das questões é a lógica, tanto que não é necessário conhecimento prévio de linguística para resolver as questões.

A primeira questão era sobre formação de frases em Dyirbal. Era necessário perceber como se dava a formação de adjetivos, e que havia 3 classes nominais diferentes, que se diferenciavam por gênero (feminino, masculino, neutro) e toxidade (animais peçonhentos e não peçonhentos).

A segunda questão era sobre o sistema numérico da língua Umbu-Ungu, da família trans-Nova Guiné. Era necessário perceber que eles utilizavam um sistema de bases 4 e 24, com regras especiais para números menores que 32.

A terceira questão era sobre a língua Basca, tendo grande enfoque no fato do Basco possuir dois sistemas pronominais diferentes, e ele possuir o caso ergativo, um caso específico da língua, assim como português possui sujeito e objeto.

A quarta questão, sobre teop, língua pertencente à família austronésia, era também sobre formação de frases, dando ênfase nos casos específicos em que os artigos eram utilizados.

A quinta questão, sobre a língua Rotumana, perguntava sobre a formação de palavras na língua, sendo uma questão com mais ênfase nos significados e processos de formação de locuções na língua.

A prova possuiu um nível de dificuldade semelhante a dos anos anteriores, e possuiu duração de 6 horas.

Sobre a prova foi basicamente isso :).

Entre as provas, nós passeamos pela Eslovênia, conhecendo pontos turísticos, como lagos, montanhas e cachoeiras :). Ficamos hospedados em um hostel para estudantes e todas as provas foram realizadas em uma universidade em Ljubljiana, capital da Eslovênia. ”